top of page
Buscar

Como fazer o JEJUM INTERMITENTE do jeito CERTO



Quanto mais o tempo passada, mais estudos e polêmicas aparecem sobre o Jejum intermitente. Mas afinal, como fazer o jejum intermitente do jeito certo? Muitas pessoas tem arriscado este técnica de perda de peso rápida, mas não sabem os riscos que ela pode trazer para sua massa magra e até mesmo saúde quando é feita incorretamente.


Por isso hoje eu vou trazer aqui os 5 erros mais comuns do Jejum Intermitente que fazem as pessoas se prejudicarem com esta estratégia maravilhosa para acelerar o metabolismo.


1 - Não fazer o Jejum Intermitente junto com a Low Carb


Este é um erro muito comum. Muitas pessoas nem imaginam mas na verdade o Jejum Intermitente sempre existiu como uma estratégia de dietas Low Carb e Cetogênicas para acelerar o metabolismo. Infelizmente ele foi divulgado a poucos anos como uma "dieta" separada.


Chamado erroneamente de "dieta intermitente" foi propagandeado que independente do que você comesse, se pulasse algumas refeições como mágica sua gordura corporal iria embora. Infelizmente isso é uma mentira. Apesar das pessoas terem sim uma perda de peso com o Jejum, se este não for acompanhado de uma dieta de baixo carboidrato que já treine o organismo para queimar gordura como energia, esta perda de peso será apenas de glicogênio e massa muscular. E ninguém quer perder massa muscular certo?


Por isso se for fazer o jejum, faça ele em conjunto com uma dieta de baixo carboidrato, para alcançar os melhores resultados.


2 - Já querer começar o Jejum junto com a dieta


Outro erro muito comum de quem faz o Jejum Intermitente é já querer começar ele junto com a dieta. Acabam criando um excesso de restrição que não consegue se sustentar no longo prazo, e ainda traz um risco de compulsão alimentar.


O momento certo de usar o jejum é muito importante, e isso acontece normalmente quando o organismo já não está mais conseguindo queimar gordura apenas com uma dieta de baixo carboidrato. Ou seja, o jejum é uma estratégia chave para acelerar o metabolismo de quem não está mais perdendo peso, que está no famoso efeito platô.


3 - Começar o jejum na hora errada (ainda tendo fome)


Esse erro básico eu também sempre corrijo nos pacientes que chegam ao meu consultório. Se você quiser fazer o jejum, tem que ser sem passar fome. Pois se você passar fome, o risco de sair da dieta será muito alto, o que poderá trazer prejuízos muito maiores para o seu metabolismo.


4 - Fazer um número excessivo de horas muitas vezes na semana


Existe também os exagerados, que ainda divulgam suas maratonas malucas de jejum na internet, arrebanhando um monte de desinformados que ficam perdendo músculos achando que estão fazendo um grande negócio.


Não se engane. Jejuns de 30 horas, 70 horas, etc, é coisa para doido. A não ser que seja por outro motivo (religioso por exemplo) ficar tanto tempo sem comer só vai bagunçar o seu metabolismo e fazer você mandar seus músculos serem queimados como forma de energia.


5 - Comer durante o jejum


Esse erro é clássico, e pode parecer piada mas muitas pessoas caem nesta dúvida. Afinal, o que comer no jejum intermitente? NADA. Jejum é jejum, se você comer você sai do jejum. E o que comer antes do jejum? E depois? Outras dúvidas que no vídeo abaixo eu esclareço. Bons estudos!



Se você quiser conhecer uma dieta Low Carb personalizada para o seu tipo metabólico e aprender a fazer o Jejum Intermitente de forma individualizada marque uma consulta comigo que com certeza eu poderei te ajudar!


44 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page